Os sentidos do cooperativismo: entre a autogestão e a precarização do trabalho

OLIVEIRAsentidos_350O principal objetivo deste livro foi criar critérios psicossociais de diferenciação entre cooperativas “autênticas” e aquelas que estão a serviço da precarização do trabalho. Essa é uma questão importante na atualidade, pois tanto o Ministério do Trabalho e Emprego quanto o Ministério Público começam a apertar o cerco contra as cooperativas que comercializam mão de obra à margem da CLT e, em função disso, torna-se importante a sua clara identificação.

O cooperativismo tem sido um assunto que passou a ser objeto de pesquisas em várias áreas, ao mesmo tempo que relaciona-se com movimentos sociais e é objeto de disputas jurídicas.

O livro interessa especialmente ao campo da economia solidária e aos pesquisadores e trabalhadores envolvidos com esse movimento, incluindo aqueles que atuam nas diversas incubadoras universitárias de cooperativas populares.

No mais, a pesquisa empreendida é um exemplo de aplicação da psicologia social do trabalho a um campo pouco estudado pela psicologia.

(texto presente na contracapa do livro, com edições)

Informações

Título: Os sentidos do cooperativismo: entre a autogestão e a precarização do trabalho
Autor: Fábio de Oliveira
Editora: LTr
Ano: 2014
Sumário: clique aqui

Trecho: Leia aqui as primeiras 18 páginas do livro.

Onde encontrar: A obra pode ser adquirida diretamente de sua editora, inclusive em formato digital (e-book), em livrarias, como Livraria Cultura e Saraiva, ou em sebos cadastrados no site Estante Virtual, entre outros.

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *