Cem anos de linha de montagem fordiana

Por Lorena Holzmann | Em abril de 1913, Henry Ford instalou em sua montadora de automóveis a cinta móvel, o que representou um imenso avanço na racionalização do trabalho, “economizando o tempo”, intensificando o trabalho e, consequentemente, aumentando a exploração sobre os trabalhadores. O ritmo de trabalho passou a ser determinado pela aceleração da esteira móvel, independente da intervenção dos operários. A submissão real e efetiva do trabalho ao capital… >>

0
Significado e história do 1° de maio

Data dos trabalhadores de todo mundo tem origem em manifestação com 500 mil pessoas em Chigago, EUA, em 1891. Três anos depois, o Congresso Operário Internacional convocou, na França, uma manifestação anual, em homenagem às lutas sindicais de Chicago… >>

0
O que o filme “Lincoln”, de Spielberg, não diz sobre Lincoln

Por Vicenç Navarro | O filme “Lincoln”, de Steven Spielberg, narra como esse presidente de forte lembrança popular lutou contra a escravidão e pela transformação dos escravos em trabalhadores. O que a obra cinematográfica não conta, porém, é que Lincoln também lutou por outra emancipação: que os escravos e os trabalhadores em geral fossem senhores não apenas de sua atividade em si, mas também do produto resultante de seu trabalho… >>

0