A necessidade do salário máximo

Por Vicenç Navarro | É importante limitar os salários exuberantes que recebem os banqueiros e grandes empresários na Espanha, salários que não guardam nenhuma relação com a sua produtividade… >>

0
Emprego, produtividade e crescimento

Por Flávio Fligenspan | Inegavelmente, a geração de emprego verificada nos últimos anos privilegiou os trabalhadores de mais baixa escolaridade, mas é, no mínimo, discutível vincular ou fazer um nexo causal deste fenômeno com o baixo crescimento da economia… >>

0
Degeneração dos direitos trabalhistas

Por Helder Santos Amorim e Luís Camargo | O recurso extraordinário empresarial que questiona a Súmula nº 331 do TST, no ponto em que nega validade aos contratos de terceirização na atividade-fim da empresa, leva para o STF o tema de mais acirrada disputa política do mundo do trabalho na atualidade… >>

0
Trajetória e deslocamento distributivo no Brasil

Por Marcio Pochmann | Desde 2003 vem ocorrendo um processo de inversão de prioridades. Com isso, houve menor deslocamento de recursos públicos ao rentismo, bem como o estabelecimento de novas políticas de renda acrescidas ao apoio às classes trabalhadoras na forma de emprego em profusão e elevação da renda na base da pirâmide social… >>

0
Do direito de greve na OIT

Por Hugo Dias | O tema da greve e dos crescentes obstáculos ao seu exercício enquanto direito coletivo não se tem colocado apenas no Brasil. Desde 2012 que ocorre na OIT uma ofensiva patronal que procura dissociar esse direito da liberdade de associação sindical… >>

0
Direito ao trabalho infantil?

Por Moisés Ferreira | O presidente boliviano promulgou lei que permite que uma criança possa começar a trabalhar por conta própria aos 10 anos. Considerou que o trabalho infantil era uma realidade necessária. Considerou mal e a Bolívia aprovou um retrocesso… >>

0
Por que Piketty incomoda?

Por Luiz Gonzaga Belluzzo | Nos bastidores do livro de Piketty, entre linhas, entrelinhas, gráficos e equações movem-se as mesmas forças impessoais da riqueza socializada que em seus desatinos e inconsciências da ganância privada levaram a humanidade aos tormentos do moinho satânico que desatou duas guerras mundiais e deflagrou a Grande Depressão dos anos 30… >>

0
Sobre a negação da desigualdade

Por Paul Krugman | Há tantos indicadores independentes que mostram um forte aumento da desigualdade, desde os preços nas alturas dos imóveis de mais alto padrão até o auge dos mercados de bens de luxo, que qualquer afirmação de que a desigualdade não está aumentando tem que estar baseada quase que à força em uma análise errônea dos dados… >>

0
A possibilidade da igualdade

Por Clemente Ganz Lúcio | Novo documento da Cepal aprofunda análise histórico-estrutural sobre os desafios do desenvolvimento latino-americano… >>

0
A desigualdade está na moda

Por Diana Cariboni | Distribuição de renda na América Latina: os 20% mais ricos da população retêm 47% da renda da região; os 20% mais pobres da população recebem 5%; a renda anual dos 113 latino-americanos mais ricos poderia tirar da pobreza 25 milhões de pessoas… >>

0
A política do salário mínimo deve ser alterada? Não

Por Claudio Salvadori Dedecca | A atual política pública de valorização do salário mínimo foi concebida como instrumento de estímulo do desenvolvimento socioeconômico brasileiro. Em 2007, os opositores acusavam que ela provocaria a elevação do desemprego, o aumento da informalidade e a destruição das contas da Previdência. O apocalipse previsto não ocorreu. Agora, retomam o ataque afirmando que a continuidade da política provocará a hecatombe das contas públicas… >>

0