O capital no século XXI

PIKETTYcapital_350Que dinâmicas movimentam o acúmulo e a distribuição do capital? O tema da política econômica há muito suscita debates constantes sobre crescimento, concentração da riqueza e o aumento da desigualdade. No entanto, a carência de dados adequados dificulta o acesso a respostas satisfatórias.

Em O capital no século XXI, o economista francês Thomas Piketty apresenta um conjunto inédito de dados de vinte países para os últimos duzentos anos. O autor demonstra que o crescimento econômico e a difusão do conhecimento ao longo do século XX impediram que se concretizasse o cenário apocalíptico preconizado por Karl Marx, mas, ao contrário do que o otimismo dominante após a Segunda Guerra Mundial costuma sugerir, a estrutura básica do capital e da desigualdade permaneceu relativamente inalterada. Piketty constata, com absoluta clareza, que a taxa de rendimento do capital supera o crescimento econômico — e isso se traduz numa concentração cada vez maior da riqueza, um círculo vicioso de desigualdade que, a um nível extremo, pode levar a um descontentamento geral e até ameaçar os valores democráticos. Contudo, Piketty ressalta que tendências econômicas não são forças da natureza: a intervenção política já foi capaz de reverter tal quadro no passado e poderá voltar a fazê-lo.

(texto extraído do site da editora)

Informações

Título: O capital no século XXI
Autor: Thomas Piketty
Editora: Intrínseca
Ano: 2014
Sumário: clique aqui

Trecho: Leia aqui as primeiras 56 páginas do livro.

Onde encontrar: A obra pode ser adquirida em livrarias, como Livraria Cultura e Saraiva (inclusive em versão digital/e-book), ou em sebos cadastrados no site Estante Virtual, entre outros.

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *