Moção de solidariedade à greve nacional dos petroleiros

Fotografia: AFP

A Associação Brasileira de Estudos do Trabalho – ABET, ciente do seu compromisso com a defesa de condições dignas de trabalho e de vida e do irrestrito direito constitucional de greve, soma-se a todas as entidades e movimentos em solidariedade à Greve na Petrobrás que após 18 dias de luta vem mobilizando mais de 20 mil trabalhadores de 121 unidades da estatal em todo o Brasil.

Em greve, os trabalhadores da Petrobrás resistem à política de privatização em curso e, desta forma, expõem à sociedade brasileira a política de desmonte do patrimônio nacional bem como os reais interesses da atual política da empresa que, em desacordo com princípios democráticos e comprometidos ao desenvolvimento nacional, se voltam exclusivamente aos investidores financeiros.

A ABET posiciona-se de forma veemente contra a criminalização da greve, do movimento sindical e de suas lideranças e clama pela abertura de diálogo e negociação sindical sem ameaças, punições e entreguismos. Toda solidariedade à Greve da Petrobrás.

Diretoria da Abet 2020-2021

Fonte: ABET
Data original da publicação: 20/02/2020

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *