Duplica desemprego na Grécia

O desemprego duplicou na Grécia nos últimos 2 anos. Os dados corrigidos de julho revelam que mais de 25% da população ativa não tinha trabalho, o dobro do valor registrado em julho de 2010. Assim como na Espanha, 1 em cada 4 pessoas em idade ativa está desempregada, um flagelo que atinge 54% dos jovens com menos de 25 anos.

À porta de um centro de emprego, uma estudante de 19 anos, que procura trabalho para si e para a sua mãe, refere a dificuldade de encontrar “algo para fazer hoje em dia”. A sua mãe  está desempregada há 2 anos.

“Já não acredito que haja trabalho. Isto é uma fantochada. Andam a gozar connosco há mais de 20 anos. Só há dinheiro para alguns”, acusa outro desempregado.

Há 35 meses consecutivos que a taxa de desemprego não para de crescer na Grécia e para piorar as perspetivas económicas, a maior empresa do país, a Coca-Cola Hellenic anunciou que vai mudar a sede para a Suíça.

Reconhecendo o erro de cálculo que está a levar centenas de milhares de pessoas à miséria no Sul da Europa, a diretora do FMI, Christine Lagarde advoga agora que os países em dificuldades devem ter mais dois anos para reduzirem o défice.

[divide]

FonteEuronews

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *