Coordenador do Dieese prevê que trabalhador deve ter ganhos reais em 2013

O coordenador de relações sindicais do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese), José Silvestre, prevê que, em 2013, a retomada das atividades na indústria deve se refletir em bom desempenho nas negociações salariais. “A indústria crescendo, isso tem um efeito irradiador”, disse ele.

O economista observou que, apesar de 2012 ter sido o melhor ano para as negociações, com 95% dos casos resultando em ganhos salariais acima do Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC), importantes categorias – como metalúrgicos e bancários –, foram prejudicadas pelo desaquecimento das atividades econômicas no país, no segundo semestre do ano passado.

Ele acredita que o Produto Interno Bruto (PIB) deve crescer entre 3% e 3,5% e que a inflação deve ficar no teto em 6,5%, favorecendo mais as negociações que ocorrem no segundo semestre do ano. Na avaliação de José Silvestre, o governo deve manter-se atento para evitar a aceleração inflacionária.

Os ganhos acima da inflação, no ano passado, oscilaram na média de1,96% sendo que, no primeiro semestre, a taxa ficou em 2,14% e no segundo, 1,61%. Apesar desse recuo, o percentual do segundo semestre foi o segundo maior desde 2008, ficando atrás apenas do resultado de 2010 quando a variação atingiu 2,05%.

[divide]

Fonte: Agência Brasil
Texto: Marli Moreira
Data original da publicação: 20/03/2013

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *