100 mil mortes: há muito mais culpados

Por Jorge Luiz Souto Maior | Mais uma vez na história, os(as) trabalhadores(as) são apagados(as) e o que aparece nas estatísticas dos hospitais é a morte de um cidadão, sem vínculo com uma classe social específica… >>>

0
Após pandemia, a inadiável taxação de fortunas

Por Oxfam Brasil | Oito novos bilionários surgiram na América Latina, desde o início da crise sanitária, enquanto 52 milhões ficarão pobres até o fim de 2020 no continente. Imposto extraordinário sobre a riqueza arrecadaria U$ 14,6 bi — debate precisa ser feito já

>>>

0