02/05/2018 e 03/05/2018 – O trabalho no Brasil depois do golpe

O golpe de 2016 impôs aos trabalhadores retrocessos materializados em perdas salariais e piores condições de trabalho. A reforma trabalhista ampliou a terceirização, redefinindo as possibilidades do ativismo sindical. As alegadas vantagens da reforma não se concretizaram, o desemprego continua alto e a retomada do crescimento não se concretizou.

Especialistas do mundo do trabalho analisarão sob diversos ângulos a conjuntura econômica, as novas relações de trabalho e como trabalhadores e o movimento sindical estão sendo afetados e como podem resistir ao processo em curso.

Informações

Data: 02/05 e 03/05/2018
Horário: 18h30min
Local: Livraria Cirkula – Av. Osvaldo Aranha, 522 – Porto Alegre
Promoção: Editora Cirkula
Organização: Programa de Pós-Graduação em Sociologia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Apoio: Democracia e Mundo do Trabalho e Sul21
Custo: R$ 45,00
Inscrições: aqui

Os participantes receberão exemplares dos livros: Trabalho: horizonte 2021, Tempo e trabalho, Controle e disciplinamento da força de trabalho.

Vagas limitadas, inscrições obrigatórias.

Programação

Dia 02/05

Dra. Valdete S. Souto – Juíza do Tribunal Regional do Trabalho da 4ª Região
Dr. Ricardo Oliveira – Sociólogo do PPG-Sociologia UFRGS
Dr. Breno Vargas – Advogado trabalhista, Sind. Bancários

Mediação: Dra. Raquel Paese – DMT

Dia 03/05

Rober I. Ávila – Professor da Faculdade de Ciências Econômicas da UFRGS
Flávio Fligenspan – Professor da Faculdade de Ciências Econômicas da UFRGS
Lorena Holzmann – Socióloga, autora de Controle e disciplinamento da força de trabalho

Mediação: Antonio D. Cattani – PPG-Sociologia UFRGS

o-trabalho-depois-do-golpe-maio-2018-cartaz

Leia também

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *